quinta-feira, 9 de setembro de 2010

QUANDO CRIANÇA SÓ QUERIA SER, SÓ SER.
SER HERÓI SER VILÃO.
SER POLICIA SER LADRÃO.
SER CANTOR SER DOUTOR.
SER ESPIÃO SER JOGADOR.
EM SEU CORAÇÃO AMORES CULTIVAVA.
EM SUA IMAGINAÇÃO VOAVA.
TODAVIA ELE CRESCEU.
A VONTADE DE SER PERDEU.
A IMAGINAÇÃO ESVAECEU.
FANTASIAS ESTUPRADAS.
ALMA DESOLADA.
CORPO A PANCADAS.
JÁ NÃO SONHA, JÁ NÃO CANTA.
JÁ NÃO DANÇA JÁ NÃO GRITA, JÁ NÃO BRINCA.
JÁ NÃO FINJE SER LEÃO, NÃO, MAS BRINCA DE PIÃO.
SETE CACOS, BALEADO DE CUSCUS, PRÍNCIPE ENCANTADO.
PIMENTÃO PIMENTINHA TE PEGOU NA MENTIRINHA.
ELÁSTICO PARA SALTAR, AMARELINHA PARA PULAR.
JOGAR BOLA NO QUINTAL, SUBIR NAS PERNAS DE PAU.
TUDO ISSO SEM CANSAÇO SÓ QUERIA SER PALHAÇO.
SE ACHANDO NO ESPELHO COM O SEU NARIZ VERMELHO.
BEM VINDO AO MUNDO DO PALHAÇO COM ESCRACHO E SEM ESCRACHO
COM MALDADE E SEM MALDADE SENDO GENTE DE VERDADE.
"CARLINHOS"




2 comentários:

  1. adorei seu blog muito bom ja to seguindo!!!


    queri só ser......


    isso é mais que lindo

    ResponderExcluir